Agora técnico, Branco diz que vai seguir exemplo de Parreira

Mazinho e Branco, campeões mundiais em 94,
estarão juntos novamente (Foto: getty image)

Em uma coletiva com mais de 120 jornalistas e com a presença do atacante uruguaio Diego Forlán na Índia, onde participa de um reality show, o tetracampeão mundial Branco confirmou, neste sábado, que vai iniciar a carreira de técnico. O tetracampeão afirmou que vai seguir exemplos de grande treinadores com quem trabalhou, como Carlos Alberto Parreira. Ao seu lado, como auxiliar, estará outro tetracampeão: Mazinho.

Animado e satisfeito com o novo desafio, Branco entrará na profissão de maneira tranquila. Esse ano, ele fará um estágio nas principais ligas da Europa, onde pretende aprimorar algumas técnicas. A partir de 2011, Branco entrará de vez no mercado e poderá analisar melhor as ofertas que surgirem. Por telefone, Branco falou ao GLOBOESPORTE.COM.

– Estou muito empolgado com essa nova etapa na minha vida. Vou aproveitar a minha experiência profissional para encarar esse desafio. Tive sucesso como jogador e como dirigente, espero repetir agora como técnico. Trabalhei com grandes nomes como Carlos Alberto Parreira entre outros, exemplos que eu tenho que seguir. O importante agora é investir na carreira. Ganhamos tudo com a Seleção Brasileira na base. Essa experiência será fundamental – explicou Branco, que trabalhou nas categorias de base da CBF.

Sobre a parceria com Mazinho, Branco afirmou que a empatia entre os dois será essencial para o sucesso para o trabalho. O ex-jogador do Vasco e Palmeiras já teve uma experiência como técnico, quando treinou o Aris Salônica, da Grécia.

– O Mazinho é uma excelente pessoa, tenho muito respeito por ele. Essa parceria será muito importante nesse começo, podemos nos ajudar muito – disse.

Durante o anúncio, no reality show produzido pelo empresário brasileiro Fabiano Farah, Branco contou como foi o papo com o Forlán, eleito o melhor jogador da Copa do Mundo, na África do Sul.

– Ele é uma pessoa muito simples. Ficou surpreso com a minha decisão de virar técnico. Ele até falou que tinha vontade de jogar no Brasil e brincou “Quem sabe a gente não vai trabalhar junto um dia?” – revelou Branco, que também falou sobre a experiência no reality show, onde comandava um time de garotos.

– O programa foi muito interessante. Trabalhamos com meninos humildes, que nunca tiveram muita chance. Fiquei feliz de poder fazer alguma coisa que desse alguma esperança a essas crianças – finalizou.

Fonte:GloboEsporte.com

Agenda da coligação “CORAGEM PRA MUDAR” (PDT/PCDOB/PRP)

Domingo, 01 de agosto de 2010

8 horas Visita aos feirantes da Cobal
Local: Mossoró

10 horas Largada da Carreata Coragem Pra Mudar
Local: Largo da Cobal (Avenida Alberto Maranhão), em Mossoró

10h40 Carreata seguida de comício-relâmpago
Local: Governador Dix-Sept Rosado

12h30 Carreata seguida de comício-relâmpago
Local: Caraúbas

13h30 Carreata seguida de comício-relâmpago
Local: Olho D’agua Do Borges

14h30 Carreata seguida de comício-relâmpago
Local: Umarizal

15h30 Carreata seguida de comício-relâmpago
Local: Riacho Da Cruz

17h30 Comício de encerramento da carreata, na praça Robson Lopes
Local: Apodi

O professor Flaviano Monteiro e a comitiva da Nova Geração cumprirão esta agenda durante todo o domingo.

ELEIÇÕES 2010: IPODE DIVULGA PESQUISA PARA PRESIDENTE.

A candidata Dilma Rousseff (PT) lidera com cinco pontos percentuais à frente de José Serra (PSDB), segundo pesquisa Ibope de intenção de voto para presidente da República divulgada nesta sexta (30) pela TV Globo. De acordo com a pesquisa, Dilma tem 39% das intenções de voto; José Serra (PSDB), 34%; e Marina Silva (PV), 7%.

O Ibope ouviu 2.506 eleitores com mais de 16 anos em 174 municípios de segunda (26) a quinta (29). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Isso quer dizer que Dilma pode ter entre 37% e 41%; José Serra, entre 32% e 36%; e Marina Silva, entre 5% e 9%.

Nos levantamentos anteriores do Ibope, Dilma tinha 37% na pesquisa de 31 de maio a 1 de junho; 38% na de 18 a 21 de junho; 36% na de 27 a 30 de junho; e 39% agora. Serra tinha 37%, passou a 32%, depois foi para 36% e agora para 34%. Marina tinha 9%, passou a 7%, foi a 8% e agora voltou para 7%.

Dentre os demais candidatos – Eymael (PSDC), Ivan Pinheiro (PCB), Levy Fidelix (PRTB), Plínio de Arruda Sampaio (PSOL), Rui Costa Pimenta (PCO) e Zé Maria (PSTU) -, nenhum alcançou 1% das intenções de voto. Os eleitores que responderam que votarão em branco ou nulo somaram 7% e os que se disseram indecisos, 12%.

A pesquisa foi encomendada ao Ibope pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo” e está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 20809/2010.

                                                                  Eu vi no blog de Castelo Morais