Publicidade

Dilma vai explorar temas sensíveis a Serra em debate

BRASÍLIA (Reuters) – A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, afirmou nesta quarta-feira que procurará discutir no primeiro debate da disputa eleitoral temas relativos às áreas de segurança e educação.

Perguntada se estava preocupada em debater o setor da saúde com seu principal adversário, o ex-governador de São Paulo e ex-ministro da Saúde José Serra (PSDB), ela assegurou que também tem interesse em debater o tema.

“A saúde é muito importante, sem dúvida tem que ser tema de debate. Mas, junto da saúde a gente tem que debater também educação e segurança. Aliás, porque são esses os temas que interessam à população”, disse a ex-ministra da Casa Civil a jornalistas depois de visitar uma unidade da Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação.

O Estado de São Paulo enfrenta problemas na área de segurança pública, e Serra já se indispôs com professores da rede estadual. Além disso, o PT critica as políticas educacionais do governo paulista.

A candidata negou estar nervosa para participar de seu primeiro debate, já que nunca havia disputado um cargo eletivo. “Ao longo da vida, te asseguro que tive problemas muito mais graves do que um debate.”

O debate será realizado na quinta-feira à noite pela TV Bandeirantes.

CRÍTICA AO FIM DA CPMF

Dilma antecipou alguns pontos de seu programa de governo para a área de saúde, assim como na véspera tratou do tema da educação. Disse estar preocupada especialmente com a atenção a “mães e filhos” e com o combate ao câncer.

Ela criticou o fim da CPMF, que teria retirado 40 bilhões de reais do setor, mas prometeu também uma evolução na gestão. Descartou, entretanto, discutir nova fonte de arrecadação para financiar a saúde.

“Ninguém pode achar que seja uma situação confortável tendo a saúde perdido 40 bilhões de reais”, destacou.

“Nós teremos que fazer o possível e o impossível com os recursos que nós conseguimos obter no momento. A partir de agora, teremos que fazer um esforço para transferir recursos para a área da saúde ou recursos do Orçamento.”

Fonte: MSN Noticias

Publicidade

Vazamento de dados de estudantes do Enem será apurado, diz Inep

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou uma nota na manhã desta quarta-feira (4) informando que vai apurar “causas e responsabilidades” sobre o vazamento de informações sigilosas dos estudantes inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ocorrido na terça-feira (3), no site do órgão, que é responsável pela organização da prova.

Os dados disponíveis no site eram de estudantes inscritos nos exames de 2007, 2008 e 2009. Foram exibidas informações como nome, RG, CPF, notas e número da matrícula, que deveriam ser mantidas em sigilo.

Informações de inscritos no Enem vazam na internet Segundo a nota, os dados dos inscritos, armazenados no banco do instituto, eram colocados numa “área reservada do site, com endereço específico, e liberados para as Instituições de Ensino Superior (IES) e Secretarias de Educação que solicitassem para utilização nos seus processos seletivos. Essas instituições se comprometiam a não divulgar os dados e teriam acesso mediante usuário e senha.”

Ainda de acordo com a nota divulgada nesta quarta-feira, tão logo informado que o endereço em área reservada havia se tornado público, o Inep “fechou o endereço específico.”

Para finalizar, a direção do Inep informou que “apura causas e responsabilidades que provocaram o ocorrido.”

O Ministério da Educação (MEC) também já afirmou que vai apurar o que houve e já admite até a possibilidade de demissão dos responsáveis Segundo o Inep, a falha não compromete o resultado das três últimas edições do exame.

No ano passado, o MEC cancelou provas do Enem depois que os exames foram roubados de dentro da gráfica responsável pela impressão do material.

Fonte: G1.com.br

Publicidade

Atenção estudantes!!

Atenção estudantes apodienses que vão estudar na Universidade Federal Rural do Semi-Árido – UFERSA, no campus da cidade de Caraúbas. O motorista do busão é Eliésio de Nego de Tomaz.

Interessados:

Alunos da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte – UERN, que já freqüentam o ônibus e os alunos novatos da Universidade Federal Rural do Semi-Árido – UFERSA.

Local: Escola Estadual Profº Gerson Lopes
Data: 07/08/10 (sábado)
Hora: 19:00hs

Maiores informações com:

Simaria – (84) 9151-4799
Hugo – 9411-9277
 
Fonte: ApoDiário

Publicidade
Publicidade

CURTAS: Campanha

 Wilma de Faria escapa, procurador vai recorrer ao TSE

             
O procurador regional Eleitoral, Ronaldo Sérgio Chaves, recorrerá ao Tribunal Superior Eleitoral contra decisão do Tribunal Regional Eleitoral, que deferiu o pedido de registro de Wilma de Faria ao Senado Federal.

O procurador mantém o posicionamento de que no ato do pedido de registro a líder do PSB estava inadimplente com a Justiça Eleitoral, sendo devedora de uma multa no valor de R$ 25 mil a 2ª Zona Eleitoral.

Na tarde de hoje, a Corte Eleitoral acatou, por unanimidade, o pedido de registro da candidatura de Wilma de Faria.

                                    O retrato verdadeiramente falso

A política do RN chegou ao auge do surreal:

Foto de Rosalba Ciarlini (DEM) ao lado de José Serra (PSDB), seu candidato à Presidência da República, é anunciada como falsa.

Mas se fosse com Dilma Roussef (PT), sua adversária, seria verdadeira?

Fonte:Blog do prof.Toinho

Publicidade

Garota de 16 anos espanca irmão de 8 até a morte

O garoto Daniel Vinícius Medina Machado, 8 anos, morreu após ser espancado por sua própria irmã na madrugada de quinta-feira (29) em Várzea Paulista. Era o dia de seu aniversário.

A adolescente F.M.M., 16, irritada com o barulho que o garoto fazia com brinquedos, o espancou e mandou que ele fosse dormir. Quinta-feira (29), pela manhã, ela tentou acordá-lo, em vão.

“Dei chutes e socos nele”, disse, em depoimento à polícia de Várzea. “Preciso de tratamento, pois bato até em mim mesmo.”

A menina já vinha espancando Daniel e colocava também seus quatro irmãos mais novos sob um regime de crueldade, que incluía redução na comida e até ordens para que comessem as próprias fezes, segundo a polícia.

“Ele [Daniel] aparecia com arranhões no rosto e dizia que era o gato que fez”, disse a mãe da vítima e da suspeita, Rosângela Medina, às lágrimas, na tarde de quinta-feira (29), na Delegacia de Várzea Paulista.

A adolescente também afirmou em depoimento que deixou o irmão aproximadamente dez dias sem comer.

”Poucas vezes, em 35 anos de profissão, vi um local e uma situação tão horríveis”, afirmou o delegado Alberto (que pediu para não ter o sobrenome divulgado).

Daniel estava com marcas de espancamento no corpo todo, nu e molhado, pois suas irmãs jogaram um balde de água nele quando perceberam que não respondia.

“Seu rosto estava desfigurado, uma cena difícil de ver”, declarou o policial militar Santos, que esteve na casa, no Jardim Satélite. “Não quis entrar no quarto para ver meu filho”, afirmou a mãe, que foi ao Hospital da Cidade pedir ajuda.

Rosângela diz que não ouviu barulho durante a noite, mas que já havia visto a filha batendo na criança. F. foi levada à Fundação Casa. Rosângela perdeu provisoriamente a guarda dos outros quatro filhos menores de idade, encaminhados à Casa Transitória, e foi classificada como “omissa” pelo delegado.

Menor de idade na delegacia

Psiquiatra aponta doença familiar

Para o psiquiatra e professor da Faculdade de Ciência Médicas da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) Antonio Carvalho de Ávila Jacintho, um dos três itens que podem ter desencadeado essa tragédia é uma doença familiar.

“A família é afetada como um todo.” E a presença de um pai, que seria alcoólatra está incluída aí.

Os outros dois itens, segundo ele, são a negligência familiar (quando os pais deixam os filhos de lado) e a loucura individual da própria menina, “que, como outros adolescentes, pode achar que é capaz de tudo”.

Sobre anotações na agenda (veja abaixo), o psiquiatra cita Freud. “O homem é o lobo do homem”, para acrescentar que as coisas boas convivem com as ruins.

Garota descrevia toda a violência praticada em uma agenda

Menina anotava crueldades em agenda
Em algumas páginas de uma agenda de menina, F. anotava palavras sobre Jesus Cristo e a importância da religião. Em outras, narrava as punições que aplicava a seu irmão de 8 anos.

Em uma página, ela diz que o garoto ficaria “semana que vem sem comer comida” e que “novamente Daniel jantou sem minha ordem”.

A garota assumiu ao delegado que tinha o costume de relatar seu cotidiano na agenda, com as ordens que eram dadas a seus irmãos.

Em outra passagem, ela diz: “Número 190, alô, quero fazer uma denúncia. Um homem, na casa, que toda noite chega bêbado e agride a esposa e as filhas dele e as ameaça de morte”.

Ela se refere ao pai, Ivanildes Machado, que não foi encontrado pelo BOM DIA na delegacia e em sua casa, sendo descrito pelo delegado Alberto como alcoólatra.

Durante seu depoimento à polícia de Várzea Paulista, na tarde de quinta-feira (29), a adolescente estava nervosa, inquieta e não parava de mexer nas próprias unhas e repetir informações.

Fonte: Agencia BOM DIA

Publicidade

VILMA RESPONDE: “QUAL O RUMO QUE DEVE SER DADO À REFORMA POLÍTICA?”

A candidata ao Senado Vilma de Faria (PSB) respondeu à Tribuna do Norte a pergunta “Qual o rumo que deve ser dado à Reforma Política?”

Para Vilma, o projeto de reforma precisa passar por uma profunda e conclusiva discussão. Discussão objetiva para se ouvir a sociedade através de suas instituições mais representativas, inspiradas em princípios gerais e democráticos”.

A resposta foi publicada na edição deste domingo (1º) do jornal e ainda no http://www.tribunadonorte.com.br/.

 
 
Confira o texto na íntegra:
 
“O projeto da reforma política precisa passar por uma profunda e conclusiva discussão. Discussão objetiva para se ouvir a sociedade através de suas instituições mais representativas, inspiradas em princípios gerais e democráticos. Vou defender com toda clareza o financiamento público das campanhas eleitorais como forma de instituir, de fato, o controle público e a transparência. A formulação de uma Lei Eleitoral clara, normativa e duradoura é necessária, sob pena de nunca se ter bem definidas as regras do jogo, no caso, as eleições, que é o próprio jogo democrático.

É um absurdo que, a cada eleição, surja uma nova lei eleitoral, sempre beneficiando àqueles que se encontram no direito de legislar. É preciso acabar com a falta de segurança jurídica na escolha dos dirigentes dos municípios, dos estados e do país. A insegurança jurídica atinge outros campos, além do político. Atinge a própria economia, no plano dos grandes investimentos externos, por exemplo. É preciso que as relações econômicas internas e externas sejam claras e que haja a garantia do respeito às leis. Só com uma reforma política nascida da garantia jurídica será possível começar a sedimentar no Brasil uma tradição democrática forte, sobre bases sólidas e duradouras. Precisamos de leis bem formuladas, nascidas do amplo debate das ideias no Congresso Nacional.

O Poder Legislativo precisa reassumir, de fato, seu papel. Sua omissão tem sido a causa de um vazio que fez nascer uma deformação constitucional que é o papel legiferante do Poder Executivo, através das Medidas Provisórias, e do Poder Judiciário, quando normatiza o que deveria partir do Legislativo. A formulação de leis só terá legitimidade se nascer em sintonia com a sociedade. É ela que deve inspirar, através das suas expressões e manifestações coletivas, aquilo que o Congresso Nacional deve pautar e levar a plenário. Assim deve ser em todas as esferas.

Nas Câmaras Municipais e nas Assembleias Legislativas, cada um no seu âmbito e na sua esfera legisladora. É urgente uma reforma que venha para devolver à ação política o seu papel histórico de conduzir a sociedade, inspirada nas reivindicações e até nos sonhos individuas formadores dos sentimentos coletivos. É urgente a organização política dos partidos, a partir de programas de ideias e objetivos, e a formulação de uma ética partidária com normas para a formação de alianças, coligações, limites. Sem uma profunda reforma política, não será possível instituir, por inteiro, a própria vida constitucional do país. Como se tudo fosse provisório, passível de mudança a qualquer hora e a cada nova eleição.”

Fonte: Blog da Guerreira

Publicidade

Real Madrid vai vender Kaká para Inglaterra e comprar Özil, diz jornal

Após uma única temporada, repleta de contusões e sem título, a trajetória de Kaká no Real Madrid pode estar perto do fim. O técnico José Mourinho aceitou se desfazer do meia para o clube fortalecer suas finanças e contratar outros jogadores. O substituto do brasileiro seria o apoiador Özil, do Werder Bremen, que ao contrário de Kaká, brilhou na Copa do Mundo da África do Sul com a camisa da Alemanha. As informações são da edição dominical do jornal britânico ‘Sunday Times’

O destino de Kaká, cujo passe custou 67 milhões de euros (cerca de R$ 153 milhões) ao clube merengue, tem grandes chances de ser a Inglaterra. Ou o Manchester City, que há um ano e meio havia acertado a negociação com o Milan, mas o jogador travou, ou o Chelsea, treinado por Carlo Ancelotti, com quem o brasileiro trabalhou na Itália.

Sem conseguir tirar o lateral Maicon do Inter de Milão, Mourinho buscará outras peças para reforçar a defesa. As vindas dos zagueiros David Luiz e Thiago Silva esbarrarm nas intrasigências de Benfica e Milan, respectivamente. Ricardo Carvalho foi outro nome cogitado, mas os 32 anos do português do Chelsea pesaram contra.

Publicidade