Publicidade

[leia] Léo Magalhães estará em Apodi dia 7 de Dezembro

O cantor e compositor Léo Magalhães será atração do próximo dia 7 de dezembro em Apodi. A data já está na agenda de show do site oficial do cantor. O show que acontecerá em plena festa de padroeira Nossa Senhora da Conceição promete reunir um público recorde no Parque de Vaquejada Francisco Joaquim de Sales.

Léo estará lançando o seu novo DVD amanhã dia 10/11 em Goiânia onde o novo trabalho terá a participação especial do apaixonado Amado Batista.

Léo Magalhães é um jovem cantor que está na mídia nacional, chagando a ocupar sempre a 1ª posição nas paradas musical de algumas rádios de todo Brasil. O talentoso rapaz foi um dos vencedores da Garagem do Faustão assim como também foi o escolhido pelo público para abrir o Sertanejo Pop Festival. O evento que aconteceu nos dias 23 e 24 de outubro na Chácara do Jockey, em São Paulo. Reuniu grandes nomes do sertanejo pop: Luan Santana, Maria Cecília e Rodolfo, João Bosco e Vinícius, Michel Teló e muitas outras feras.

Leylla Carla
Assessoria de Comunicação do Evento

Compartilhe
Publicidade

[leia]Justiça Federal do Ceará determina suspensão do Enem em todo o país

A Justiça Federal do Ceará suspendeu nesta segunda-feira o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), acatando um pedido de liminar (decisão provisória) feito pelo Ministério Público Federal. A decisão tem efeito em todo o Brasil. Cabe recurso.

A decisão da juíza federal Carla de Almeida Miranda Maia, da 7ª Vara Federal, se baseou no argumento de que o erro da impressão das provas prejudicou os candidatos. “O cartão de resposta tinha a mesma divisão de cabeçalho, porém a ordem desses mesmos cabeçalhos estava trocada”, escreveu.

Em seu despacho, a juíza afirmou ainda que, “em algumas salas”, os candidatos foram orientados a preencher o gabarito invertendo a ordem das respostas, o que seria incorreto, pois apenas os cabeçalhos das questões haviam sido alterados. Para ela, a realização de novos exames para parte dos candidatos “poria em desigualdade todos os candidatos remanescentes”.

“Esses erros de impressão, de montagem e de aplicação das provas do Enem foram todos admitidos pelo Inep, o qual se manifestou sobre isso de forma pífia”, escreveu.

Em nota, o procurador da República Oscar Costa Filho afirmou que a decisão traz “segurança e estabilidade”. Há duas semanas, antes que o Enem fosse realizado, o procurador pediu a suspensão do Enem, por considerar que não havia segurança na aplicação da prova.

“O exame está suspenso e estamos postulando, evidentemente, a anulação da prova. Essa suspensão é importante porque põe ordem na casa, ou seja, acaba com essa incerteza generalizada, de ninguém saber de nada, de como ia ficar”, disse Costa Filho.

Para o procurador, é preciso identificar e punir os responsáveis pelo ocorrido. “Como se justifica um erro grosseiro como esse na troca de um gabarito?”, questionou.

Segundo ele, os organizadores do exame atribuíram às escolas a decisão de escolher os fiscais. Para ele, essas tarefas deveriam ser atribuídas a universidades federais.

OUTRO LADO

O MEC (Ministério da Educação) informou que vai prestar esclarecimentos à Justiça Federal e nega prejuízo aos candidatos.

Em nota, o ministério informou que “a preocupação da magistrada referente à igualdade de condições dos concorrentes está assegurada pela utilização da Teoria de Resposta ao Item (TRI).”

A TRI, diz o MEC, permite a comparabilidade no tempo. Com ela, “o conjunto de modelos matemáticos usados no Enem permite que os exames tenham o mesmo grau de dificuldade”.

O ministério citou o caso de estudantes do Espírito Santo que foram impedidos de fazer a prova devido a enchentes no ano passado, mas acabaram realizando um mês depois, na mesma data que presidiários.

PROBLEMAS

No sábado (6), primeiro dia de prova, parte dos exemplares saiu com folhas repetidas ou erradas. Nesses casos, os alunos não receberam todas as questões. Já no cabeçalho dafolha de respostas recebida por todos os alunos, o espaço para o gabarito das questões de ciências da natureza estava incorretamente identificado como ciências humanas.

Ontem, o presidente do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), Joaquim José Soares Neto afirmou que o problema nas provas amarelas ainda está sendo dimensionado. Ao todo, as provas são divididas em quatro cores. Uma estimativa preliminar e extraoficial é que cerca 2.000 estudantes tenham feito a prova incompleta.

A suspensão do Enem já havia sido defendida pela seção paulista da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e pela Defensoria Pública da União.

Na noite de sábado (6), Soares Neto repetiu em diversas ocasiões de uma entrevistacoletiva concedida em Brasília que não havia possibilidade de o exame ser anulado.

Ao todo, o Enem teve 4,6 milhões de inscrições neste ano. Porém, a abstenção foi de27% no sábado e fechou o domingo em 29% –cerca de 3,3 milhões compareceram em 1.698 cidades do país.

No ano passado, quando a prova vazou e foi adiada, a abstenção ficou próxima dos 40%.

A previsão do MEC (Ministério da Educação) é que os inscritos no exame concorressem a83 mil vagas em 83 instituições federais de ensino, por meio do Sisu (sistema que destina vagas em instituições federais apenas com base na nota do Enem).

Do Jornal FOLHA.com

Compartilhe
Publicidade

[leia]Enem 2010:Gráfica assume erro de impressão no caderno de cor amarela da prova

A gráfica RR Donnelley encaminhou nesta segunda-feira, 8, carta ao presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Joaquim Soares Neto, na qual assume a responsabilidade pelos erros de impressão no caderno de questões de cor amarela das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2010.

“Durante a aplicação do primeiro dia do exame, identificamos, fazendo a leitura dos quatro itens de caderno de provas que contêm as mesmas questões em quatro ordens distintas de diagramação, que em um dos lotes de produção tivemos um problema de processo, resultando na impressão de 33 mil cadernos de provas amarelas com um defeito de ordenação”, explica a direção da gráfica. Desse conjunto de cadernos, segundo a empresa, aproximadamente 21 mil foram efetivamente distribuídos.

A gráfica informa ainda: “Cabe ressalvar que foram impressas e distribuídas por todos os pontos de aplicação no Brasil, quase um milhão de provas que compõem a reserva técnica operacional da aplicação. Entre as funções dessa reserva técnica operacional está a substituição de provas com defeito de impressão obtidas na mesma sala da aplicação ou em qualquer outra sala de aplicação dessa escola”.

Ao final do documento, a RR Donnelley diz estar à disposição do Inep para esclarecer qualquer dúvida técnica e a colaborar de forma efetiva na busca de solução dos problemas possivelmente acarretados a um número restrito de alunos.

Confira a íntegra da carta

Compartilhe
Publicidade

[veja]Deu no Blog ApodiBaixo do Pano

[ria] Corrigindo o erro de Evangelista no Blog dos Vereadores

Pronto Sr. Presidente!

O Pancada corrigiu seu erro ao esquecer da prefeita Goreti Silveira em seu blog.

Agora sim, o banner ficou perfeito. Se é pra ser justo… tem que ser justo.

Nota do blog Apodibaixo do Pano: Essa Pancada foi daquelas boas!!

Nota do blog ApodiNet: Ficou bacana agora com a foto da prefeita junto com Rosalba e Dilma,agora so nos resta saber qual delas terá um bom desempenho em 2011.

Compartilhe
Publicidade

[leia]Enem 2010:Alunos prejudicados pela prova amarela poderão ter nova chance

O presidente do Inep, professor Joaquim José Soares Neto, confirmou agora há pouco, em Brasília, que os alunos eventualmente prejudicados por falhas de impressão no caderno amarelo das questões do Enem 2010, aplicado neste final de semana, poderão ter uma nova chance.

O Professor Neto reafirmou que nenhum candidato será prejudicado. E que, portanto, caso fique comprovado que estes estudantes tiveram seu direito afetado, no limite, poderão refazer a prova.

O Inep apurou que um lote inferior a 1% do total das provas do caderno amarelo apresentou problemas de impressão. Deste total, a grande maioria dos estudantes recebeu um novo exemplar do caderno de questões. Uma minoria deixou de ter o caderno substituído ou se recusou a substituir a prova.

O Inep deverá receber nos próximos dias os relatórios de aplicação das provas, de todos os locais. Vai analisar caso a caso o ocorrido. E, ficando comprovado que o direito dos estudantes foi prejudicado, estudará uma forma de reaplicar a prova.


Assessoria de Imprensa do Inep/MEC

Compartilhe
Publicidade

[leia]3,3 milhões de candidatos realizam a prova em todo o país

Brasília, 7/11/2010 – Cerca de 3,3 milhões de candidatos compareceram às provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste fim de semana. O percentual de abstenção neste domingo, 7, ficou em 29,2%, enquanto no dia anterior foi de 26,7%. Estavam inscritos no exame 4,6 milhões de pessoas.

“Não houve registro de nenhuma falha de segurança durante as provas”, disse o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep), Joaquim Neto. Na visão do professor Neto, o Enem “cumpriu seu papel”. O estudante que realizou as provas pode concorrer a uma das 83 mil vagas em universidades públicas, além do Programa Universidade Para Todos (Prouni) que, em média, tem oferecido 100 mil bolsas a cada processo seletivo.

Os cadernos de prova estarão disponíveis para consulta nesta segunda-feira, 8. Na terça, dia 9, sairá o gabarito oficial, às 18h. Em seguida, na quarta-feira, 10, estará aberta uma página no sistema de acompanhamento do Enem para que os alunos que se sentiram prejudicados pela troca de cabeçalhos no cartão-resposta – ocorrida na prova de sábado – entrem com requerimento, no caso de terem preenchido o cartão de forma inversa à ordem das questões. O sistema ficará disponível até o dia 16.

“Nenhum estudante será prejudicado”, garantiu Neto em relação à troca do cabeçalho e aos erros gráficos em alguns cadernos de prova da cor amarela. Sobre estes, o presidente do Inep informou que será feito um levantamento do problema, para que seja dada a melhor solução aos candidatos.

Veja aqui a abstenção por unidade da Federação.


Assessoria de Imprensa do Inep/MEC

Compartilhe
Publicidade

[leia]POPULAÇÃO DO RIO GRANDE DO NORTE POR CIDADE, SEGUNDO CENSO DE 2010


Município População em 2010 População em 2000
Acari 11.035 11.189
Afonso Bezerra 10.384 10.867
Alexandria 13.134 13.772
Almino Afonso 4.857 5.195
Alto do Rodrigues 12.229 9.499
Angicos 11.553 11.626
Antônio Martins 6.907 6.757
Apodi 34.738 34.174
Areia Branca 24.806 22.530
Arês 12.754 11.323
Augusto Severo 9.289 9.024
Açu 53.011 47.904
Baraúna 24.164 18.922
Barcelona 3.923 3.990
Baía Formosa 8.536 7.821
Bento Fernandes 5.102 4.709
Bodó 2.425 2.775
Bom Jesus 9.310 8.608
Brejinho 11.575 10.317
Caicó 61.923 57.002
Caiçara do Norte 6.016 5.842
Caiçara do Rio do Vento 3.292 2.867
Campo Redondo 10.266 9.201
Canguaretama 30.693 27.011
Caraúbas 19.572 18.810
Carnaubais 9.694 8.192
Carnaúba dos Dantas 7.429 6.572
Ceará-Mirim 66.436 62.424
Cerro Corá 10.872 10.839
Coronel Ezequiel 5.405 5.409
Coronel João Pessoa 4.760 4.703
Cruzeta 7.963 8.138
Currais Novos 42.636 40.791
Doutor Severiano 6.491 6.552
Encanto 5.221 4.798
Equador 5.822 5.664
Espírito Santo 10.273 10.715
Extremoz 23.931 19.572
Felipe Guerra 5.731 5.534
Fernando Pedroza 2.826 2.650
Florânia 9.672 8.978
Francisco Dantas 2.874 3.021
Frutuoso Gomes 4.233 4.580
Galinhos 2.126 1.767
Goianinha 22.393 17.661
Governador Dix-Sept Rosado 12.340 11.772
Grossos 9.393 8.249
Guamaré 12.301 8.149
Ielmo Marinho 12.073 10.249
Ipanguaçu 13.852 11.924
Ipueira 2.072 1.902
Itajá 6.850 6.249
Itaú 5.560 5.271
Jandaíra 6.791 6.124
Janduís 5.340 5.597
Januário Cicco 8.925 7.687
Japi 5.522 6.328
Jardim de Angicos 2.607 2.670
Jardim de Piranhas 13.494 11.994
Jardim do Seridó 12.109 12.041
Jaçanã 7.925 7.677
José da Penha 5.868 5.908
João Câmara 31.846 29.248
João Dias 2.589 2.596
Jucurutu 17.692 17.319
Jundiá 3.576 N/A*
Lagoa Nova 13.990 12.058
Lagoa Salgada 7.565 6.808
Lagoa d’Anta 6.214 5.629
Lagoa de Pedras 6.982 6.395
Lagoa de Velhos 2.644 2.651
Lajes 10.270 9.399
Lajes Pintadas 4.610 4.530
Lucrécia 3.633 3.218
Luís Gomes 9.612 9.154
Macau 28.890 25.700
Macaíba 66.808 54.883
Major Sales 3.536 2.948
Marcelino Vieira 8.265 8.373
Martins 8.209 7.725
Maxaranguape 10.438 8.001
Messias Targino 4.188 3.718
Montanhas 11.397 11.948
Monte Alegre 20.145 18.874
Monte das Gameleiras 2.249 2.541
Mossoró 254.032 213.841
Natal 785.722 712.317
Nova Cruz 35.339 33.834
Nísia Floresta 23.772 19.040
Olho-d’Água do Borges 4.293 4.461
Ouro Branco 4.699 4.667
Paraná 3.952 3.633
Parazinho 4.845 4.325
Paraú 3.847 4.092
Parelhas 20.339 19.319
Parnamirim 195.274 124.690
Passa e Fica 11.111 8.329
Passagem 2.895 2.691
Patu 11.964 11.171
Pau dos Ferros 27.590 24.758
Pedra Grande 3.521 4.017
Pedra Preta 2.575 2.847
Pedro Avelino 6.901 8.006
Pedro Velho 14.119 13.518
Pendências 13.423 11.401
Pilões 3.453 3.002
Portalegre 7.264 6.746
Porto do Mangue 5.213 4.064
Poço Branco 13.931 12.261
Presidente Juscelino 8.774 7.005
Pureza 8.376 6.963
Rafael Fernandes 4.692 4.247
Rafael Godeiro 3.041 2.953
Riacho da Cruz 3.165 2.667
Riacho de Santana 4.155 4.200
Riachuelo 6.973 5.760
Rio do Fogo 10.027 9.217
Rodolfo Fernandes 4.411 4.467
Ruy Barbosa 3.595 3.686
Santa Cruz 35.345 31.294
Santa Maria 4.762 3.778
Santana do Matos 12.894 15.987
Santana do Seridó 2.526 2.377
Santo Antônio 22.179 20.107
Senador Elói de Souza 5.566 5.028
Senador Georgino Avelino 3.917 3.302
Serra Negra do Norte 7.770 7.543
Serra de São Bento 5.746 5.870
Serra do Mel 10.263 8.237
Serrinha 6.581 7.253
Serrinha dos Pintos 4.534 4.295
Severiano Melo 5.752 10.579
São Bento do Norte 2.964 3.378
São Bento do Trairí 3.890 3.244
São Fernando 3.401 3.234
São Francisco do Oeste 3.874 3.480
São Gonçalo do Amarante 86.151 69.435
São José de Mipibu 39.322 34.912
São José do Campestre 12.355 11.982
São José do Seridó 4.231 3.777
São João do Sabugi 5.909 5.698
São Miguel 22.159 20.124
São Miguel do Gostoso 6.704 7.580
São Paulo do Potengi 15.629 13.822
São Pedro 6.193 6.776
São Rafael 8.088 8.201
São Tomé 10.868 10.798
São Vicente 6.030 5.633
Sítio Novo 5.020 4.448
Taboleiro Grande 2.317 2.029
Taipu 11.836 11.531
Tangará 14.175 12.118
Tenente Ananias 9.816 8.875
Tenente Laurentino Cruz 5.406 4.412
Tibau 3.687 3.197
Tibau do Sul 10.482 7.749
Timbaúba dos Batistas 2.295 2.189
Touros 32.864 27.879
Triunfo Potiguar 3.363 3.642
Umarizal 10.534 11.092
Upanema 12.977 10.991
Venha-Ver 3.821 3.422
Vera Cruz 10.646 8.522
Vila Flor 2.872 2.528
Viçosa 1.618 1.521
Várzea 5.209 8.238
Água Nova 2.975 2.678
Total: Rio Grande do Norte 3.121.451 2.776.782
Total: Região Nordeste 51.871.449 47.741.711


Matéria retirada do Patunews.
mas vi no blog do L.C SAX

Compartilhe
Publicidade

[leia]MOSSORÓ MIX – HORÁRIOS DOS SHOWS JÁ ESTÃO DEFINIDOS

Agora é pra valer!!! A Godin & Garcia e a KN Produções definiram os horários de apresentação das bandas durante os três dias do Mossoró Mix. Os foliões devem ficar atentos para não perder nenhum minuto dos shows. “Temos a preocupação de divulgar os horários antecipadamente para que o folião possa se programar e não se atrasar nos shows”, relata Tácio Garcia.

Uma grande preocupação das produtoras do evento é com o cumprimento destes horários, evitando atrasos. “A nossa estrutura, que possui dois palcos, proporciona esta interatividade. Não temos atrasos. Termina um show e começa o outro imediatamente”, relata Karume Nascimento. Para Tácio Garcia este ano não será diferente, em relação aos horários. “Desde a primeira edição do Mossoró Mix nunca registramos contra-tempos em relação aos horários. Os artistas conhecem a característica do evento e respeitam a hora do início dos shows”, finaliza Tácio.

Confira a programação e agende-se:

12/11 – SEXTA-FEIRA

20h00 – Atração local
21h30 – Jammil
23h10 – Capital Inicial
00h50 – Aviões do Forró
3h00 – Forró Danado (Palco do Camarote)

13/11 – SÁBADO

20h00 – Atração local
21h30 – Axerife
23h10 – Thábata
00h50 – Parangolé
2h30 – Banda Inala

14/11 – DOMINGO

19h00 – Início da festa com atração local
20h30 – Bakulejo
22h10 – Garota Safada
00h20 – Jota Quest
02h10 – Amigos Sertanejos (Palco do Camarote)

Ainda não assegurou o seu acesso? Os passaportes para o Mossoró Mix 2010 estão à venda na Central Mix. Informações pelo telefone 3316-1688 ou no site: www.mossoromix.com.br

Compartilhe
Publicidade