phdvirtual

POPULAÇÃO DE UPANEMA DEVE FICAR EM ALERTA NESSE PERÍODO CHUVOSO – Coluna do Jackson Diego

Em toda cidade de Upanema, desde as últimas semanas, estamos vivenciando um longo período chuvoso, que para a agricultura local é uma benção esperada há muitos anos. Mas não é com as bençãos que precisamos nos preocupar.

A Comunidade Local deve ficar em alerta aos riscos de focos de criadouros do Aedes Aegypti, mosquito causador de doenças como a Dengue, Chikungunya e a Zica. Fazer sempre uma vistoria no próprio quintal, retirar objetos e materiais que podem manter a água da chuva acumulada pode contribuir e muito para que familiares ou vizinhos não venham a contrair o vírus causador de tais doenças.

A Gestão Municipal têm se mobilizado para melhorar o combate ao mosquito Aedes, mas TODOS nós somos responsáveis por essa vigilância, que quando não alertada ou feita com cuidado pode gerar até óbitos em decorrência de tal vírus do mosquito.

Em todo o País, os casos de Dengue chegam a 1 milhão e meio, sem contar os dados para demais doenças provocadas pelo Aedes, que chegam a centenas de casos nas regiões mais movimentadas em todo o Brasil.

 

Por: Jackson Diego Bezerra

Compartilhe

PMU: SECRETÁRIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL REÚNE EQUIPE PARA ELABORAR AGENDA DO MÊS DE MARÇO

Tendo em vista a chegada de um novo mês, a Prefeitura Municipal de Upanema, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social vêm desenvolvendo nos últimos anos atividades que envolvem diretamente os cidadãos, com temáticas e ações voltadas para às famílias referenciadas no Desenvolvimento Social do Município.

À frente da pasta em 2018, desde o último ano (2017), a secretária Alana Aretha Mendonça tem desenvolvido junto à sua equipe um grande trabalho em prol dos usuários dos programas sociais de nossa cidade, como intuito de dar continuidade, aprimorando e adotando novas ideias para o Desenvolvimento Socioassistencial promovido na gestão “Vida Digna para o Cidadão”, gestão do Prefeito Luiz Jairo.

Foram divulgadas ontem (28) na página oficial do CRAS de Upanema, as ações que serão chaves neste mês. Entre elas estão a realização da programação do 8 de março, visita dos técnicos da Assistência Social às escolas e o retorno das oficinas do Serviço de Convivência, com a realização das inscrições no período de 12 a 16 do mês corrente.

“Fizemos um planejamento anual para elencar todas as atividades que serão desenvolvidas ao longo do ano de 2018, vendo as prioridades da gestão e visando um melhor atendimento aos usuários da política de desenvolvimento social do nosso município; com isso esperamos atender todas as expectativas em relação às campanhas e oficinas que serão executadas ao longo deste mês e dos próximos.” Destacou.

A programação segue ao longo do mês com parcerias entre Assistência social e demais pastas, como saúde e educação do município.

Compartilhe

CONCURSO COM MAIS DE 100 VAGAS PARA PREFEITURA DE NOVA CRUZ ESTÃO COM INSCRIÇÕES ABERTAS – Um Dedo de Prosa

Desde o último dia 8 (janeiro) estão abertas as inscrições do Concurso a ser realizado em março deste ano, para preenchimento de vagas na Prefeitura Municipal de Nova Cruz, cidade do interior do Rio Grande do Norte.

As inscrições para o concurso devem ser realizadas por meio do endereço da COMPERVE, até o dia 05 de fevereiro. Para participação do candidato estão sendo cobradas taxas de inscrição no valor de R$ 60,00 reais, R$ 80,00 reais ou R$ 100,00 reais dependendo do nível que o cargo selecionado está ocupando no concurso.

No ato da inscrição o candidato deve possuir o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), documento de identificação oficial com foto (RG ou CNH) e dar por preenchido o formulário disponível na página do concurso na internet.

Estão abertas as vagas para ASG (40), Motorista (06), Assistente Administrativo (06), Técnico de Enfermagem (15), Advogado (01), Assistente Social (06), Bioquímico (05), Dentista (15), Enfermeiro (15), Engenheiro Civil (01), Farmacêutico (02), Médico (15), Nutricionista (02), Psicólogo (03).

Uma ótima oportunidade para o ano de 2018!

Compartilhe

ELEIÇÃO DO SINDSERPUP: Confira a LISTA dos aptos a votarem e o DOCUMENTO NECESSÁRIO

Como já havíamos comentado em nosso site anteriormente, no próximo dia 10 de abril, segunda que vem, acontecerá à eleição da nova diretoria do SINDSERPUP. Os eleitores aptos a votar terão das 8 da manhã às 17 horas para depositarem seu voto nas urnas.

Duas chapas compõem a disputa pelo pleto: Josadaque Carlos da chapa 01 e a professora Edimir de Medeiros, com um vasto histórico de vida sindical, experiência em LUTA pelas categorias, resolvendo voltar à disputa através da Chapa 02 – Reconstruindo a LUTA.

Confira a Lista dos apotos a votarem – SINDSERPUP no próximo dia 10. É importante levar o documento de Identificação com foto ou comprovante mensal de salário – contracheque.

 

Compartilhe
phdvirtual

Edimi Medeiros: “O SINDSERPUP é um palco de luta; é preciso determinação!”

A professora e sindicalista Edimi Medeiros nos confidenciou um pouco de seus anseios em voltar a vida sindical. Um dos pontos que ela destacou e que diz como referência para seu mandato à frente da diretoria é a volta da LUTA pelas demais categorias, no sentido do Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos demais servidores.

Destaca que as últimas lutas e os diálogos das categorias, principalmente a dos professores tem sido significativa para as melhorias do servidor. A professora destaca que essa reivindicação pelos direitos e pela valorização do trabalhador-sócio não pode parar; que os trabalhadores esperam uma forte representatividade no SINDSERPUP (por serem associados);  confiam em um perfil que LUTE por todos, que esteja na ativa e que enfrente as dificuldades sem medo!

“O meu maior objetivo como sindicalista é garantir que o servidor esteja ciente de seus direitos e sendo contemplado por eles; e quero lutar por essa efetivação, na busca pela garantia dos ganhos para todas as categorias. Sou professora, especialista e mestre, aprendi com o coletivo e assim como busco melhorias para minha classe, vou continuar lutando pelas demais categorias. Reconheço que o SINDSERPUP é um palco de LUTA; é preciso determinação e TRANSPARÊNCIA e isso nossa diretoria terá de sobra se chegarmos ao pleito”, destacou Edimi.

Estamos torcendo para que o SINDSERPUP volte a dar suas contribuições para os servidores de TODAS as categorias e a professora Edimi se mostra bastante sensível à isso. Sua chapa tem por lema “Reconstruindo a LUTA” e o número para voto no próximo dia 10 será o número de CHAPA 02.

Compartilhe

LUIZ JAIRO (22) COMPROVA PESQUISA VITORIOSA (49,8%) LEVANDO MULTIDÃO AS RUAS EM SUAS MOVIMENTAÇÕES

14192799_663615017145694_4116713005584321626_nDesde o inicio das movimentações de Luiz Jairo e Juninho, candidatos à reeleição em Upanema, que percebemos o empenho, a participação em massa do POVO e dos partidos coligados em prol da continuidade do trabalho que vêm sendo caracterizado e comprovado pela população de Upanema como DESENVOLVIMENTO.

Tanto na cidade quanto na zona rural só se fala na reeleição de Luiz Jairo, provada através da pesquisa divulgada pelo TSE, que deixa Luiz Jairo à frente do candidato da oposição com cerca de 49,8% das intenções de votos, caracterizando quase 2.000 (dois mil) votos de maioria.

Luiz Jairo intensificou seu trabalho de visitas na zona urbana e rural, juntamente com sua equipe para que as pessoas possam confirmar de perto um pouco mais de suas propostas e de seus conhecimentos adquiridos com mais de 24 anos de vida pública, como cidadão político e que ajudou (e ajuda) a construir parte da história de nossa querida Upanema.

A cada movimento, um degrau de certeza: a população, do agricultor ao professor, do adolescente/Jovem ao vovô apoiam a reeleição de Luiz Jairo (22) e afirmam conhecer o candidato em quem estão votando e saber que ele têm história comprovada de quem faz pelo povo de Upanema.

Compartilhe
phdvirtual

Se encarar a votação do impeachment como final de Copa, o Brasil irá perder!

Quatro considerações para o dia seguinte à votação do impeachment de Dilma Rousseff:

1) A votação do impeachment NÃO É uma final de Copa do Mundo, apesar de parte da sociedade estar vendendo-a como tal. Pode haver torcida por um resultado, campos adversários e muito roer de unhas, mas as semelhanças devem parar por aí. Se o destino do país for visto como um jogo e os que saírem “derrotados” (sejam eles pró ou contra) forem tripudiados e não convidados a reconstruírem as pontes de diálogo derrubadas na escalada de tensão dos últimos meses, veremos um aumento no ódio e no ressentimento e a violência se instalará na ruas.

2) Independentemente do resultado, o país seguirá ingovernável por um bom tempo. Tanto a manutenção de Dilma quanto a ascensão de Temer serão questionadas por setores sociais que não enxergarão legitimidade na mandatária, no mandatário ou em um processo de impeachment/golpe conduzido por Eduardo Cunha. Não estou torcendo pelo caos, o caos já está instalado. Nesse contexto cinza e amorfo, temos que ter especial cuidado com a garantia dos direitos fundamentais, das liberdades individuais, da dignidade do ser humano. E isso se estende da violência policial a manifestantes, à criminalização de movimentos sociais, passando por uma caça às bruxas aos grupos derrotados e à revisão de direitos pelo parlamento.

3) A despeito de alguns excelentes oradores, tanto contra quanto pró impeachment, os discursos dos deputados federais (que começaram na sexta e se estenderam até hoje, domingo) foram um show de horror, mostrando o baixo nível de grande parte de nosso parlamento. Vi aberrações na TV Câmara que, infelizmente, não podem ser desvistas e me acompanharão pela eternidade. Precisamos, urgentemente, de uma reforma política decente – e não aquele apanhadão inútil aprovado no ano passado e que não vai ao encontro do que as ruas pediram em junho de 2013. O único avanço recente foi o veto ao financiamento empresarial de campanhas – e graças ao Supremo Tribunal Federal. Otimizar o sistema, trazer o cidadão para participar mais diretamente dos destino de sua própria vida e educa-lo para a coisa pública é fundamental.

4) A quantidade de boatos e de informações erradas e mal checadas que circulou nos últimos dias foi assustadora e pode influenciar o resultado. Se isso tivesse chegado apenas por redes sociais e sites anônimos, já seria ruim, uma vez que muita gente não vê diferença entre uma notícia com fontes e um meme. Mas conteúdo problemático veio, aos montes, de veículos de comunicação, tradicionais e alternativos. É fato que a vida de colegas que estão cobrindo a crise, neste momento, é um rascunho do inferno: pouca gente para muitas tarefas (a crise econômica, a crise do próprio jornalismo/publicidade e erros de gestão ceifaram postos de trabalho) e falta de recursos para produzir boas pautas – o que significa ir à reboque da agenda de governo e/ou oposição e não conduzir por si investigações que pautem o debate público. Mas pior do que errar mais do que o de costume devido aos fatores listados, são as preferências político-partidárias de alguns veículos vazarem para fora de onde deveriam ficar restritas – os editoriais e páginas de opinião – e chegarem à reportagem, transformando jornalismo em panfletagem. De ambos os lados da disputa. Quando esse rebu acabar, precisamos discutir o papel da mídia no processo. Porque não adianta atacar a democracia e pedir desculpas na próxima retrospectiva de fim de ano.

Fonte: UOL Política!

Compartilhe
phdvirtual

Todo cuidado CONTRA o mosquito Aedes Aegypti é pouco. SE LIGUE!

994c6b74eb502fd107359c2e3fe1ea3aVirou febre em todo o Brasil doenças que estão sendo transmitidas pelo Aedes Aegypti. Males como a Zica, Chikungunya e dengue são transmitidos pelo mesmo mosquito.

Antes, o nosso medo era apenas da Dengue, que virou um caso cuidadoso pelos médicos e preventivo pelos cidadãos. Porém, não é só ter medo da situação e pedir livramento a Jesus; é preciso pôr “a mão na massa” e tentar de todas as formas combater os focos do mosquito, que é capaz de se reproduzir até em tampinhas de garrafa pet.

Em nossa Upanema, têm se observado um bom índice de chuvas nos últimos dias, que são importantes para a área rural, para os agricultores e quem plantou algum produto em cercado. Mas, além de todos esses benefícios devemos ter muito cuidado quanto à agua parada. O mosquito não está para brincadeira, ele vem, transmite, a pessoa corre risco de vida (caso adoeça) e pode até morrer. É isso que você quer para sua família/amigos?! Claro que não né?!

PREVINA – SE! Verifique o quintal de sua casa, as caixas e reservatórios de água descobertos, qualquer lugar é adequado para o Aedes, mas não podemos deixar que um mosquito modifique nossa vida ou de alguém do nosso convívio diário. Observe o quintal do seu vizinho, pois não basta só você se cuidar; é importante que você seja canal de orientação para quem está ao seu redor. O mosquito não escolhe lugar para reproduzir, o que ele precisa (apenas) é de oportunidade.

Maiores informações procure a Secretaria Municipal de Saúde: Rua Francisco Bezerra, Centro.

Diego Bezerra em “Um dedo de prosa.”.

Compartilhe