GLAUCOMA COLOCA EM RISCO A VISÃO DA POPULAÇÃO

O processo de decodificação das informações que chegam ao cérebro é extenso. Essa transmissão de mensagens que se inicia na córnea e depois atravessa o globo ocular até chegar ao nervo óptico, pode sofrer danos.

Por conta dessa lesão que pode evoluir devagar, denominada de glaucoma ou neuropatia óptica – patologia do nervo óptico associado à perda da função visual – a doença tem grande probabilidade de causar cegueira. “O glaucoma é silencioso na grande maioria dos seus tipos, e o diagnóstico nas fases iniciais é essencial para um tratamento adequado’’ explica Márcio Florêncio, oftalmologista do Hapvida Saúde.

Dor ocular intensa, baixa visão, vermelhidão ocular, náuseas e enxaqueca são alguns dos sintomas que requerem atenção. “O histórico familiar também influencia na causa do glaucoma e, se o diagnóstico desses sintomas for tardio, pode consistir em perda de campo de visão e turvação visual’’, alerta o médico.

Compartilhe

Edinael Castro

Upanemense, militante estudantil em favor da Educação, Cultura e Esporte. Estudante de Fisioterapia. Aqui, será um local para um conversa diária, com intuito sempre do melhor para nossa cidade, tendo a verdade como compromisso e abertura para todas as opiniões. Qualquer dúvida, estamos aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *