APENAS 13 MUNICÍPIOS POTIGUARES FICAM FORA DO CAUC NA PRIMEIRA QUINZENA DE OUTUBRO

A Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn) divulgou, nesta terça-feira (10), a relação dos municípios que se encontram com pendências junto ao CAUC. Entre as 167 cidades potiguares, apenas 13 estão sem nenhum impedimento junto ao Governo Federal, entre as quais se inclui Upanema, que está adimplente, ou seja, com o nome limpo.

Ao todo, são 154 municípios que estão impedidos de celebrar convênios coma União em razão da inadimplência junto ao Cadastro Único de Convênios (CAUC).

Os motivos que levam os municípios a ficarem inadimplentes junto ao Cauc é o não cumprimento das exigências e a não prestação de contas através do envio de relatórios, o que inviabiliza a liberação dos recursos do Governo Federal.

Nos últimos anos, Upanema tem cumprido rigorosamente todas as exigências e por esse motivo tem sido exemplo para as demais cidades.

Confira a relação das 13 cidades que estão fora do CAUC:

  1. Água Nova
  2. Alexandria
  3. Caicó
  4. Currais Novos
  5. Jardim de Piranhas
  6. Nísia Floresta
  7. Passa e Fica
  8. Santa Cruz
  9. Serra Caiada
  10. Serra Negra do Norte
  11. Taboleiro Grande
  12. Timbaúba dos Batistas
  13. UPANEMA
1 Gostou

PR. JOSÉ LUIZ TOMARÁ POSSE NESTA QUARTA NA ASSEMBLEIA DE DEUS EM UPANEMA

O novo pastor da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Upanema tomará posse na noite desta quarta-feira (11), véspera de feriado, no Templo Central.

O culto terá inicio às 19 horas e contará com a presença do pastor Francisco Cicero Miranda.

Uma programação especial está sendo preparada para recepcionar José Luiz de Oliveira, que assume a presidência da instituição após o falecimento do saudoso Antônio Adelino dos Santos (86).

  Gostou?

ABORTO: TEMA VOLTA À DISCUSSÃO NO CONGRESSO

Uma comissão especial da Câmara dos Deputados discute uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que pode rever os abortos previstos pela lei — em casos de estupro, risco à vida da mãe e de fetos anencéfalos. A PEC 181 de 2015 chegou do Senado à Câmara como uma proposta trabalhista, que propunha aumentar a licença-maternidade em casos de bebês prematuros: de 120 dias, a licença seria expandida para a quantidade de tempo no qual os recém-nascidos ficassem internados.

Contudo, o relator da emenda, deputado Jorge Tadeu Mudalen (DEM-SP) incluiu no seu parecer uma alteração nos artigos 1º e 5º da Constituição Federal que estabelecem o direito à vida “desde a concepção”, o que pode tornar ilegal as interrupções realizadas nas três situações acima.

  Gostou?

GÁS DE COZINHA VAI FICAR MAIS CARO A PARTIR DE AMANHÃ

Grupo Executivo de Mercado e Preços (Gemp) da Petrobras avaliou o reajuste do gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial vendido em botijões de até 13 kg (GLP P-13). O aumento do gás de cozinha será de 12,9%, em média, e entra em vigor à zero hora desta quarta-feira (11).

O percentual de reajuste foi calculado de acordo com a política de preços divulgada em 07/06/2017 e reflete, principalmente, a variação das cotações do produto no mercado internacional.

  Gostou?